Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Mostra a Tua Alma Serrana!


FUTSAL - ANÁLISE DA TEMPORADA PAMPILHOSENSE

por ultraserranos4605, em 22.05.19

Com quase 20 anos desde da única participação do Pampilhosense em futsal nos campeonatos seniores da distrital de Coimbra, a equipa serrana regressou nesta temporada às lides mais velhas da modalidade! Composta por um plantel ambicioso e com qualidade, a equipa desejava fazer boa figura neste regresso e alcançar os playoff do titulo de campeão.

 

Pampilhosense futsal 18-19 2 min.jpeg

 

O arranque até começou mal, com duas derrotas nos jogos iniciais, mas as indicações de que poderia ser uma época auspiciosa para os serranos ficaram logo bem patentes. Depois o Pampilhosense arrancou para uma serie de bons resultados apesar de, pelo meio, ter contado com um afastamento prematuro e amargo na Taça AFC. Seguiu-se uma fase menos positiva, com seis jogos consecutivos sem vencer, que fizeram com que a equipa ocupasse um oitavo posto ao final da primeira metade do campeonato, mas com tudo em aberto para atingir os seus objetivos. A segunda metade foi fantástica, o Pampilhosense somou 9 triunfos, empatou um, e perdeu por apenas duas ocasiões. Estes resultados valeram à equipa a quarta posição na fase regular do campeonato com 44 pontos, fruto de 13 vitórias, 5 empates e 6 derrotas, 99 golos marcados e 72 sofridos!

 

Estava tudo em aberto para a fase decisiva da temporada, os playoff de campeão! E o Pampilhosense não poderia começar da melhor forma a fase a “doer”, com dois triunfos sobre o Lavos nos quartos-de-final. Com a equipa apurada para as meias-finais o sonho ganhava cada vez mais forma! E mais ficou quando o Pampilhosense derrotou o Domus Nostra, líder da fase regular, em casa deste, no primeiro jogo! Mas depois seguiram-se duas derrotas, a segunda em casa e a terceira, na “negra”, nas grandes penalidades, deixando o Pampilhosense afastado, sobre a linha de meta, da decisão do titulo e da subida à II Divisão Nacional.

 

Numa equipa que valeu sempre mais pelo seu coletivo, deixamos a lista dos marcadores, em que se destacaram dois atletas: Alberto Silva e a sua imprevisibilidade e explosão; Diogo Tomás e a sua frieza frente à baliza.

 

Alberto e Tomás GDP FUTSAL 18-19.jpg

 

Ao longo de toda a temporada a equipa serrana realizou 30 desafios e marcou 117 golos:

 

27 Golos – Alberto Silva
25 Golos – Diogo Tomás
17 Golos – Miranda
14 Golos – Parrança
13 Golos – Tiago Coelho
11 Golos – Nando Lara
3 Golos – João Coelho
2 Golos – Cláudio Leão, Marco Pestana e Latado
1 Golo – Rabeca

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:09

DOMUS NOSTRA - PAMPILHOSENSE

Domus Nostra - Pampilhosense meias finais ap campe

 

Meias Finais do Apu. de Campeão de Futsal AFC – Jogo 3
Pavilhão Municipal de Portomar
Ao intervalo: 0-0

 

Pampilhosense:
Dani Silva, Alberto Silva, Parrança, Diogo Tomás e Nando Lara.
Suplentes: Ferreira, João Coelho, Tiago Coelho, Marco pestana, Rabeca, Deco e Miranda
Treinador: Nuno Pestana

 

Golos: Alberto Silva 23’ (Pampilhosense); 24’ (Domus Nostra).

Penaltis: Parrança, Alberto Silva e Diogo Tomás (defendido).

 

Depois de dois jogos muitos intensos e recheados de emoção, com um triunfo para cada lado, Pampilhosense e Domus Nostra discutiam, na “negra”, a passagem à final do campeonato e automaticamente a subida de divisão, pois o São João Sub23 já tinha assegurado o lugar no jogo decisivo e, como se sabe, não pode ascender à II Divisão Nacional.

Domus Nostra - Pampilhosense meias finais ap campe

 

Com casa cheia o Domus Nostra queria aproveitar o facto de jogar perante os seus adeptos para levar a melhor sobre o Pampilhosense. Mas à semelhança dos dois anteriores jogos, os serranos estiveram muito bem e não se deixaram intimidar pelo ambiente mais hostil criado pela equipa da casa. O equilíbrio foi a toada do jogo, mas em vários momentos o Pampilhosense esteve por cima. No entanto os golos não surgiram no primeiro tempo.

 

Na segunda parte o Pampilhosense saiu na frente do marcador, aos 23’, depois de uma recuperação de bola, junto da baliza do Domus Nostra, e Alberto Silva a marcar para grande festa dos adeptos pampilhosenses. Mas ainda havia muito jogo! O conjunto da casa não demorou a reagir e, no minuto seguinte, vai restabelecer o empate! Numa reposição lateral de bola para o centro do terreno, o jogador da casa disfere um potente e colocado remate e bate Dani Silva! Estava inaugurado o marcador para ambas as equipas, mas, apesar de ainda faltar muito tempo, as balizas não voltaram a ser infringidas.

 

E, perante tal equilíbrio na eliminatória, a decisão final só podia ser encontrada nas grandes penalidades! Nessa “lotaria” a equipa da casa concretizou os três remates, enquanto Diogo Tomás, que tantas vitórias “deu” ao serranos ao longo da temporada com os seus golos, atirou para a defesa do guardião contrário que, assim, se tornou no herói do Domus Nostra!

 

Foi uma grande eliminatória entre Pampilhosense Domus Nostra, com a necessidade de recorrer à “negra” e, nesse encontro, às grandes penalidades para se encontrar o vencedor. Emoção, equilíbrio, muito publico e resultado incerto até ao ultimo segundo nos três jogos, fatores que tornaram esta eliminatória num verdadeiro hino ao futsal. A vitória poderia cair para qualquer um dos lados, acabou por pender para o lado do Domus Nostra, equipa que felicitamos. A equipa serrana termina, assim, de cabeça erguida uma fantástica época na modalidade.

 

Resultados:
Domus Nostra 1-1 (3-2 GP) Pampilhosense
U. Chelo 4-7 São João Sub23

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:32

FUTSAL - EMOÇÃO ATÉ AO FIM, A DECISÃO É NA "NEGRA"

por ultraserranos4605, em 18.05.19

PAMPILHOSENSE - DOMUS NOSTRA

Pampilhosense - Domus Nostra Meias Finais do Apu c

 

Meias Finais do Apu. de Campeão de Futsal AFC – Jogo 2
Pavilhão Municipal de Pampilhosa da Serra
Ao intervalo: 1-4

Pampilhosense:
Ferreira, João Coelho, Parrança, Diogo Tomás e Nando Lara.
Suplentes utilizados: Tiago Coelho, Alberto Silva e Miranda.
Treinador: Nuno Pestana

Golos: Nando Lara 7’ e Diogo Tomás 30’ e 31’ (Pampilhosense); 6’, 13’, 15’ e 16’ (Domus Nostra).

Pampilhosense - Domus Nostra Meias Finais do Apu c

 

Depois de vencer o primeiro jogo das meias-finais o Pampilhosense tinha a oportunidade de, em sua casa, carimbar a passagem para a final e fazer a festa. Já o Domus Nostra vinha a Pampilhosa da Serra com o intuito de vencer e levar a decisão para um terceiro jogo, a disputar em sua casa.

Pampilhosense - Domus Nostra Meias Finais do Apu c

 

Num fantástico ambiente nas bancadas, com muito publico a apoiar, principalmente a equipa serrana, foi o Domus Nostra que melhor entrou no jogo como, aliás, lhe competia, já que em caso de derrota ficava fora da competição. Sendo assim o conjunto visitante inaugurou o marcador logo à passagem dos 5’. A resposta do Pampilhosense não tardou e pouco depois Nando Lara repôs a igualdade, para enorme festa serrana na bancada. Dentro da quadra o jogo estava bem disputado e equilibrado, com as duas equipas a tentar chegar ao golo. E foi a equipa visitante que se colocou na frente do marcador, pouco depois de meio da primeira parte. A equipa pampilhosense acusou o golo sofrido e entrou numa fase de algum desnorte dentro da quadra. Aproveitou o adversário que, mais agressivo, de rajada marcou por duas vezes, colocando-se a vencer por 4-1! A terminar o primeiro tempo o Pampilhosense ainda teve uma excelente oportunidade para reduzir, mas Nando Lara, num livre de 10m, enviou por cima!

Pampilhosense - Domus Nostra Meias Finais do Apu c

 

Na segunda metade a equipa serrana tinha de correr atrás do prejuízo e arriscar para reentrar na discussão do resultado. E foi Diogo Tomás que deu maior crença aos serranos, com dois golos o jogador pampilhosense reduziu para a diferença mínima e colocou incerteza no resultado quando ainda faltava muito tempo para jogar. A turma pampilhosense continuou a arriscar no 5x4, na tentativa de alcançar o empate, mas o Domus Nostra respondeu com a mesma moeda, para fazer o tempo correr com a bola em sua posse! Até final a melhor ocasião pertenceu ao conjunto pampilhosense, mas a trave da baliza evitou a igualdade!

 

Num jogo muito intenso, com emoção e incerteza até ao ultimo segundo, o Domus Nostra acabou por vencer e levar a decisão final para um terceiro jogo a disputar em sua casa. O Pampilhosense não conseguiu contrariar a maior agressividade do adversário e, depois de algum desnorte no primeiro tempo, não foi a tempo de corrigir e conseguir um resultado que permitisse fazer a festa em Pampilhosa da Serra! Mas domingo há mais!

 

Resultados:
Pampilhosense 3-4 Domus Nostra
U. Chelho 4-7 São João Sub23

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:55

FUTSAL - PERSISTÊNCIA QUE FAZ ACREDITAR

por ultraserranos4605, em 13.05.19

DOMUS NOSTRA - PAMPILHOSENSE

Domus Nostra - Pampilhosense meia final playoff ap

 

Meias Finais do Apu. de Campeão de Futsal AFC – Jogo 1
Pavilhão Gimnodesportivo de Portomar
Ao intervalo: 1-0


Pampilhosense:
Dani Silva, João Coelho, Parrança, Diogo Tomás e Nando Lara.
Suplentes utilizados: Ferreira, Tiago Coelho, Alberto Silva e Miranda.
Treinador: Nuno Pestana

 

Golos: Parrança, Diogo Tomás e João Coelho
Penaltis: Parrança, Alberto Silva e Diogo Tomás

 

Num terreno muito difícil, frente ao vencedor da fase regular do campeonato, o Pampilhosense aspirava a um bom resultado neste primeiro jogo do playoff, e trazer para sua casa uma decisão a seu favor.

Domus Nostra - Pampilhosense meia final playoff ap

 

A equipa de Domus Nostra, a jogar perante os seus adeptos, não queria desperdiçar o “fator casa” e entrar a vencer no playoff. Mas a turma serrana também ambicionava entrar com o pé direito! Com ambas as equipas a quererem vencer, assistiu-se a um desafio muito equilibrado, com a equipa da casa a sair na frente do marcado. Os serranos responderam e Parranaça, de penalti, repôs a igualdade. E a cambalhota no marcador podia ter acontecido para o Pampilhosense antes do intervalo, mas os visitantes desperdiçaram dois livres diretos.

 

Na segunda metade os homens da casa entram melhor e marcaram por duas ocasiões, colocando o placar em 3-1. As coisas pareciam complicar-se para o Pampilhosense, e o cenário ainda piorou depois da expulsão de Dani Silva, mas o Domus Nostra não aproveitou esse fator. A equipa serrana cresceu, arriscou e acreditou, e foi em busca de contrariar o adversário. E foi numa fase em que o Pampilhosense já explorava o 5x4 que Diogo Tomás reduz e faz acreditar ainda mais o Pampilhosense. Pouco depois, João Coelho confirmou a excelente reação pampilhosense ao marcar e colocar o desafio empatado. E foi com uma igualdade a três golos que se chegou ao final do jogo, sendo necessário recorrer as grandes penalidades para se encontrar o vencedor.

 

Na marcação das grandes penalidades o Pampilhosense foi mais competente e venceu por 3-2, com golos de Parrança, Alberto Silva e Diogo Tomás. Ferreira defendeu a ultima penalidade do Domus Nostra!

 

Num jogo equilibrado a equipa serrana nunca baixou os braços e acreditou, desde inicio, que poderia conseguir um resultado positivo. As grandes penalidades acabaram por premiar a maior coragem pampilhosense, que assim consegue uma importante vantagem nesta fase. Na próxima sexta-feira a equipa do Pampilhosense tem a possibilidade de, em sua casa, carimbar uma fantástica passagem à final!

 

Resultados:
Domus Nostra 3-3 (2-3GP) Pampilhosense
São João Sub23 9-1 U. Chelo

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:55

FUTSAL - SONHO QUE GANHA MAIS FORÇA

por ultraserranos4605, em 27.04.19

LAVOS - PAMPILHOSENSE

Lavos - Pampilhosense quartos final apu camp 26-04

 

¼ Final Apu. Campeão Futsal – Jogo 2
Pavilhão Municipal de Pampilhosa da Serra
Ao intervalo: 1-1

 

Pampilhosense:
Dani Silva, João Coelho, Miranda, Nando Lara e Diogo Tomás.
Suplentes utilizados: Parrança, Alberto Silva e Tiago Coelho
Treinador: Nuno Pestana

 

Golos:
Nando Lara 8’, 26’ e 30’, Tiago Coelho 22’, Parrança 39’ e 39’ (Pampilhosense); Lavos 2’ 34’ e 37’.

 

Depois do triunfo no primeiro jogo o Pampilhosense deslocava-se a Lavos, reduto tradicionalmente difícil, com o intuito de, com um triunfo, carimbar desde já a passagem às meias-finais do play-off.

Pampilhosense futsal em Lavos 26-04-19.jpg

 

O jogo começou com a equipa da casa a demonstrar que estava disposta a levar a decisão para um terceiro encontro, ao colocar-se na frente do marcador numa fase ainda permatura. O Pampilhosense respondeu e Nando Lara repôs a igualdade no marcador. O jogo estava animado, mas as duas equipas não voltariam a marcar no primeiro tempo, apesar dos serranos terem desperdiçado duas boas ocasiões a acabar, ambas de livre direto, por intermedio de Nando Lara e Alberto Silva. A primeira foi ao poste e a segunda para defesa do guarda-redes.

 

Na segunda metade o Pampilhosense entrou mais forte e com vontade de resolver já a questão! Tiago Coelho colocou a sua equipa na frente do marcador e Nando Lara, por duas ocasiões, deu maior vantagem ao Pampilhosense que, assim, passou a vencer por 4-1. As coisas pareciam bem encaminhadas para a turma serrana, mas o Lavos ainda tinha uma palavra a dizer! A equipa da casa não atirou a toalha ao chão e, já no ultimo terço, reduziu para 4-2 através de um penalti. O golo galvanizou ainda mais o Lavos que, a 3’ do final, reduz para a diferença mínima. Mas no ultimo minuto surgiu a frieza de Parrança que, com dois golos – o segundo a escassos segundos do final – garantiu o triunfo do Pampilhosense que carimbou a passagem às meias-finais do play-off.

 

Jogo difícil para o Pampilhosense que na parte final viu o Lavos, num ultimo fôlego, acreditar e colocar emoção e incerteza no resultado. Mas dois golos serranos no ultimo minuto acabaram por retirar todas as dúvidas. Nas meias-finais o Pampilhosense vai encontrar o Domus Nostra.

 

Resultados:
Ançã FC 1-1 5-4 (GP) São João Sub23 (haverá 3º jogo)
S. Martinho 1-5 U. Chelo (haverá 3º jogo)
Miro 0-4 Domus Nostra
Lavos 3-6 Pampilhosense

 

Meias-finais:
São João Sub23 ou Ançã FC – U. Chelo ou S. Martinho Cortiça
Domus Nostra – Pampilhosense (12/05)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

FUTSAL - ENTRADA COM PÉ DIREITO NA FASE DECISIVA

por ultraserranos4605, em 15.04.19

PAMPILHOSENSE - LAVOS

Pampilhosense - Lavos quartos Final Apu Camp futsa

 

¼ Final Apu. Campeão Futsal – Jogo 1
Pavilhão Municipal de Pampilhosa da Serra
Ao intervalo: 1-1

 

Pampilhosense:
Ferreira, Nando Lara, Alberto Silva, Tiago Coelho e Diogo Tomás.
Suplentes utilizados: Parrança, João Coelho e Miranda.
Treinador: Nuno Pestana

 

Golos:
Parrança 9’, Diogo Tomás 23’ e Nando Lara 38’ (Pampilhosense); 3’ (Lavos).

Pampilhosense futsal 18-19 2 min.jpeg

 

No primeiro jogo dos play-off, o Pampilhosense recebia o Lavos com o intuito de entrar com o pé direito na discussão do titulo, e ganhar vantagem no confronto com a equipa da Figueira da Foz. Mas os visitantes queriam, também, entrar bem e tentar levar a decisão final para o jogo em sua casa.

 

E a equipa do Lavos até entrou bem no encontro saindo na frente do marcador com um golo aos 3’. Mas o conjunto serrano não tardou em responder e Parrança, num remate forte, colocou o placar empatada a uma bola. Os da casa atacavam mais e desperdiçavam boas ocasiões por “culpa”, também, de um inspirado guarda-redes adversário. Já o Lavos estava mais apostado numa boa organização defensiva e depois explorar rápidas jogadas de ataque ou possíveis erros dos serranos. O intervalo chegou e o resultado continuava empatado!

Pampilhosense - Lavos quartos Final Apu Camp futsa

Na segunda metade o cariz do jogo não se alterou. Mas o Pampilhosense acabou por concretizar logo no inicio, numa rápida jogada de ataque, com Alberto Silva a oferecer a Diogo Tomás a oportunidade de colocar a equipa em vantagem. Pela primeira vez na frente a turma pampilhosense não baixou a intensidade, continuando a criar situações de perigo mas a desperdiçar na hora de finalizar! Ao Lavos cabia a obrigação de arriscar mais e foi nessa fase, já na parte final, que o Pampilhosense vai aproveitar para confirmar o triunfo, depois de Nando Lara atirar de longe para a baliza deserta e estabelecer o 3-1 final.

 

Foi um jogo difícil, mas com um Pampilhosense mais forte. A equipa serrana fez uma exibição com muita personalidade e, assim, ganha vantagem nesta primeira eliminatória dos play-off, podendo, em Lavos, carimbar a passagem para as meias-finais.

 

Resultados:
Domus Nostra 4-2 Miro
São João Sub23 3-1 Ançã FC
U. Chelo 1-3 S. Martinho Cortiça
Pampilhosense 3-1 Lavos

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:57

FUTSAL - PLAYOFFS FAZEM SONHAR PAMPILHOSENSE

por ultraserranos4605, em 09.04.19

Está terminada a fase regular do campeonato da Divisão de Honra AF Coimbra de Futsal, com o Pampilhosense a classificar-se num excelente quarto lugar. Depois de uma primeira volta mais instável, os serranos arrancaram para uma segunda metade de campeonato quase imaculada, em qua apenas perderam por duas ocasiões, empataram em outras tantas e amealharam oito triunfos. Com estes resultados o Pampilhosense terminou o campeonato na quarta posição, o que faz olhar para os playoff com otimismo.

Pampilhosense futsal 18-19.jpg

 

A fase decisiva de atribuição do titulo arranca no próximo dia 12, mas para o Pampilhosense será no dia 14. Nesta fase, para a qual estão apurados os oito primeiros classificados, será necessário vencer dois encontros para passar à fase seguinte. O Pampilhosense começa por defrontar o conjunto do Lavos no dia 14, quinto classificado da fase regular, e desloca-se à Figueira da Foz no dia 26 de abril. Se for necessário jogo de desempate, ele acontecerá em Pampilhosa da Serra no dia 28 de abril.

 

Mas confira todo o alinhamento da fase a doer da temporada:

 

Quartos de final:

1º Jogo
Dia 12
São João Sub23 – Ançã FC
U. Chelo – S. Martinho da Cortiça
Dias 14
Domus Nostra – Miro
Pampilhosense – Lavos (18h)

 

2º Jogo (26 de abril)
Miro – Domus Nostra
Ançã FC – São João Sub23
S. Martinho Cortiça – U. Chelo
Lavos – Pampilhosense (21h30m)

 

3º Jogo (Se necessário)
Domus Nostra – Miro
São João Sub23 – Ançã FC
U. Chelo – S. Martinho Cortiça
Pampilhosense – Lavos (18h)

 

Meias Finais

1º Jogo
10 de maio
S. João Sub23/Ançã FC – U. Chelo/S. Martinho Cortiça
12 de maio
Domus Nostra/Miro – Pampilhosense/Lavos

2º Jogo (17 de maio)
3º Jogo (19 de maio se necessário)

 

Final
1º Jogo (24 de maio)
2º Jogo (26 de maio)
3º Jogo (31 de maio)
4º Jogo (2 de junho)
5º Jogo (8 de junho)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:25

ANÇÃ FC - PAMPILHOSENSE

Ançã FC - Pampilhosense 26ªJ DH Futsal 30-03-19


26ª Jornada da Divisão de Honra de Futsal AF Coimbra

Pavilhão Gimnodesportivo de Ançã
Ao intervalo: 0-1

Pampilhosense:
Ferreira, Nado Lara, Miranda, Alberto Silva e Diogo Tomás.
Suplentes utilizados: Tiago Coelho, João Coelho e Parrança
Treinador: Nuno Pestana

Golos: Parrança 19’, Alberto Silva 26 e 27’ e Diogo Tomás 30’ (Pampilhosense); 31’, 33’, 34’ e 35’ (Ançã FC).

Ançã FC - Pampilhosense 26ªJ DH Futsal 30-03-19

 

Na ultima jornada do campeonato o Pampilhosense, já com os playoffs há muito assegurados, deslocava-se a Ançã para tentar segurar o excelente terceiro lugar na tabela. Mas a jogar em casa o “ferryaço”, também já com lugar garantido para a discussão do titulo, tinha uma palavra a dizer na discussão do resultado e queria somar os três pontos.

 

Com uma primeira parte equilibrada, oportunidades repartidas, foi preciso esperar até perto da hora de descanso para se assistir ao primeiro golo na partida, com Parrança a colocar o Pampilhosense em vantagem no marcador.

 

Na segunda metade os serranos entraram a todo o “gás” em busca da vitória. E com três golos, Alberto Silva por duas vezes e Diogo Tomás por uma, as coisas pareciam bem encaminhados para a conquista de mais um triunfo. Mas no futsal o resultado um nunca está fechado e, apesar da vantagem de 4-0 do Pampilhosense, o Ançã FC ainda tinha uma palavra a dizer no jogo! Os da casa foram prontos a reagir e arriscaram, explorando com êxito o 5x4, colocando emoção no jogo! No espaço de quatro minutos o Ançã FC marcou por quatro ocasiões e chegou a um brilhante empate! Com esse resultado chegou-se ao final!

 

Jogo emotivo e com incerteza no resultado até final. Os serranos pareciam ter o triunfo garantido quando a dez minutos do fim venciam por 4-0! Mas no futsal um resultado nunca está fechado e, no espaço de quatro minutos, o Ançã FC chegou ao empate! A equipa serrana fecha esta fase numa boa quarta posição e irá encontrar o Lavos no primeiro jogo dos playoffs!

 

Resultados:
São João Sub23 9-0 Ac. Gândaras
Santa Clara 4-2 Prodema
Ançã FC 4-4 Pampilhosense
Norte e Soure 3-4 U. Chelo
S. Martinho Cortiça 5-2 Miro
Lavos 4-4 Domus Nostra

 

Classificação Final:

Class 26ªJ DH futsal 30-03-19.jpg

 

Playoff (14/04):
Domus Nostra – Miro
São João Sub23 – Ançã FC
U. Chelo – S. Martinho Cortiça
Pampilhosense – Lavos

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:11

PAMPILHOSENSE - NORTE E SOURE

Pampilhosense - Norte e Soure 24ªJ DH Futsal 23-0

 

25ª Jornada da Divisão de Honra Futsal AF Coimbra
Pavilhão Municipal de Pampilhosa da Serra
Ao intervalo: 1-0

 

Pampilhosense:
Dani, Deco, Alberto Silva, Diogo Tomás e Nando Lara.
Suplentes utilizados: Marco Pestana, Miranda, Cláudio Leão, Tiago Coelho e Rabeca
Treinador: Nuno Pestana

 

Golos: Diogo Tomás 10’ e 26’, Nando Lara 25’, 39’ e 40’ e Alberto Silva 40’

 

Na receção ao penúltimo classificado a equipa serrana não queria se deixar surpreender. O objetivo era somar os três pontos e segurar o terceiro lugar da classificação, naquele que era o ultimo desafio, em casa, da fase regular do campeonato. Mas competição à parte, antes do apito inicial as duas equipas assinalaram que o desporto é muito mais do que competição, que há valores imprescindíveis e inigualáveis. Foi relembrado o atleta Fábio Mendes, jogador da equipa de futsal do S. João que faleceu de forma trágica, no passado fim-de-sema, em plena quadra!

Pampilhosense - Norte e Soure 24ªJ DH Futsal 23-0

 

A equipa do Norte e Soure veio a Pampilhosa da Serra com o intuito de dificultar a tarefa pampilhosense. E na primeira metade os serranos encontraram nos visitantes uma barreia difícil de transpor, principalmente o seu guarda-redes que, com um punhado de intervenções de elevado grau de dificuldade, mantinha a sua equipa na discussão do resultado. O único golo do Pampilhosense no primeiro tempo aconteceu a meio da etapa inicial, através de uma rápida jogada de ataque desenhada por Alberto Silva e Diogo Tomás, com este ultimo a fazer o golo. Os visitantes também dispuseram de duas ou três situações de grande perigo, mas a pontaria não estava afinada.

Pampilhosense - Norte e Soure 24ªJ DH Futsal 23-0

 

Na segunda metade o cariz de jogo foi diferente. A equipa serrana foi mais assertiva em frente à baliza e chegou a uma vitória tranquila. Com um arranque forte o Pampilhosense vai sentenciar o jogo com dois golos, o primeiro com um remate potente de Nando Lara, de fora da área, o segundo por Diogo Tomás que aproveitou um ressalto para concluir para a baliza deserta. Mais golos só no ultimo minuto, e foram três de uma assentada. Nando Lara fez o gosto ao pé por mais duas ocasiões, sendo que na primeira correu toda a quadra ultrapassando vários adversários. Alberto Silva fechou a contagem no ultimo segundo, através de um remate forte cruzado.

 

Com uma exibição segura o Pampilhosense somou mais um triunfo e segurou o terceiro posto da geral, quando fica a faltar apenas uma jornada para o final do campeonato.

 

Resultados:
CP Miranda Corvo 3-5 Santa Clara
Ac. Gândaras 3-7 Ançã FC
Prodema 4-5 São João Sub23
U. Chelo 6-1 S. Martinho Cortiça
Pampilhosense 6-0 Norte e Soure
Miro 7-3 Lavos

 

Classificação:

Class 25ªJ DH Futsal 23-03-19.jpg

 

Próxima Jornada:
Norte e Soure – U. Chelo
Santa Clara – Prodema
Lavos – Domus Nostra
S. Martinho Cortiça – Miro
Ançã FC – Pampilhosense
São João Sub23 – Ac. Gândaras

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:50

FUTSAL - SERRANOS VOLTAM A VENCER E JÁ SÃO TERCEIROS

por ultraserranos4605, em 18.03.19

S. MARTINHO CORTIÇA - PAMPILHOSENSE

S Martinho Cortiça - Pampilhosense 24ªJ DH Futsa

 

24ª Jornada da Divisão de Honra Futsal AF Coimbra
Pavilhão de S. Martinho da Cortiça
Ao intervalo: 0-1


Pampilhosense:
Ferreira, Nando Lara, Alberto Silva, Miranda e Diogo Tomás.
Jogaram ainda: Marco Pestana, Rabeca, Deco e Cláudio Leão.
Treinador: Nuno Pestana



Golos: Diogo Tomás 16’ e 28’ e Alberto Silva 26’ e 30’ (Pampilhosense); 23’ (S. Martinho Cortiça).

S Martinho Cortiça - Pampilhosense 24ªJ DH Futsa

 

Com os playoff já garantidos matematicamente a equipa do Pampilhosense tenta, agora, atingir a melhor classificação possível no campeonato. E a deslocação a S. Martinho da Cortiça traria dificuldades, se o jogo não fosse encarado com seriedade.

 

Foi uma partida bem disputada, essencialmente no primeiro tempo, com o Pampilhosense a ter a iniciativa de jogo, enquanto os da casa procuravam defender bem e aproveitar algum erro do adversário. A equipa de Pampilhosa da Serra tinha mais bola e vai conseguir, já perto do final da primeira parte, chegar à vantagem através de um golo de Diogo Tomás.

 

Na segunda metade a equipa da casa procurou entrar bem para discutir o resultado, e consegui restabelecer o empate logo no arranque. A equipa pampilhosense não acusou o golo e reagiu arrancando para uma excelente exibição. De uma forma segura o Pampilhosense marcou por três ocasiões, com Aberto Silva a bisar e Diogo Tomás a fazer, também, o seu segundo golo, colocando o marcador em 4-1. Com uma vantagem de três golos a equipa serrana tentou gerir o resultado até final e amealhar mais uma vitória.

 

Vitória segura da equipa do Pampilhosense que não facilitou num jogo que poderia se tornar complicado. Com este resultado a equipa serrana sobe ao terceiro posto quando ficam a faltar duas jornadas para o final da fase regular.

 

Resultados:
Norte e Soure 2-3 Ac. Gândaras
Ançã FC 5-2 Prodema
S. Martinho Cortiça 1-4 Pampilhosense
Lavos 3-3 U. Chelo
Domus Nostra 7-3 Miro
São João Sub23 0-5 CP Miranda Corvo

 

Classificação:

Class 24ªJ DH Futsal 16-03-19.jpg

 

Próxima Jornada:
Prodema – São João Sub23
CP Miranda Corvo – Santa Clara
Ac. Gândaras – Ançã FC
Pampilhosense – Norte e Soure
U. Chelo – S. Martinho Cortiça
Miro – Lavos

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:36


. ............ . . .

.

AGENDA SEMANAL

-

Domingo Dia 15/12

Séniores - Futebol (15h)

PAMPILHOSENSE

vs

NOGUEIRENSE

11ª Jornada da Divisão de Honra AFC

Estádio Municipal de Pamp. Serra

-------------------------------------------

Sábado Dia 14/12

.

Séniores - Futsal (18h)

PAMPILHOSENSE

vs

ANÇÃ FC

11ª Jornada da Divisão Honra de AFC

Pavilhão Mun. Pamp. Serra

--------------------------------------

Infantis Sub13 Fut7 (11h)

PAMPILHOSENSE

vs

ATL. ARGANIL

10ª Jornada Camp. Infantis Sub13 AFC

Estádio Mun. Pamp. Serra

---------------------------------------------

Benjamins Sub11 Fut7 (11h30m)
RED SCHOOL LOUSÃ
vs
PAMPILHOSENSE
11ª Jor. do Troféu Benjamins Sub11 AFC
Campo da Esc. Sec. 2, 3 da Lousã