Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Mostra a Tua Alma Serrana!


ANÁLISE DA TEMPORADA PAMPILHOSENSE

por ultraserranos4605, em 22.05.19

Terminou mais uma época do Pampilhosense na divisão maior da distrital de Coimbra, a oitava consecutiva, com um quarto posto. A equipa pampilhosense queria fazer melhor que na época anterior e tentar um apuramento para a Taça de Portugal. Esteve muito bem na primeira volta ao somar 32 pontos, o que permitiu terminar a primeira metade do campeonato no segundo lugar da tabela. Os serranos chegaram mesmo a ocupar a liderança de forma isolada durante três jornadas consecutivas (6ª, 7ª e 8ª). Nesta época o Pampilhosense conseguiu outra marca significativa, a melhor serie de jogos consecutivos sem perder, 17 no total, 14 para o campeonato e 3 para a taça.

 

Pampilhosense 18-19 trat 1.jpg

 

A segunda volta do campeonato foi menos produtiva em termos de pontos, a equipa somou apenas 24! Mesmo assim ocupou, quase sempre, os lugares do pódio durante toda a temporada.

 

Com o aproximar do final do campeonato o Pampilhosense tentou o terceiro lugar na tabela, classificação que seria a melhor de sempre do clube, e que, também, daria acesso à Taça de Portugal na próxima temporada, em virtude dos dois primeiros classificados da prova serem os finalistas da Taça AFC. Nos últimos dois encontros os serranos somaram dois empates, e na ultima jornada perderam esse objetivo para o Ançã FC, que acabou em igualdade pontual, mas com melhor score de golos!

 

Assim, o Pampilhosense terminou na quarta posição, com 56 pontos, a melhor pontuação de sempre num campeonato com 16 equipas (a melhor é de 57 pontos com 18 equipas), fruto de 15 triunfos, 11 empates e apenas 4 derrotas, 47 golos marcados e 39 sofridos.

 

Mas ficou um o sabor amargo na boca dos serranos, por deixarem fugir a terceira posição, e consequente acesso à Taça de Portugal, sobre a linha de meta!

 

Relativamente à Taça AFC a turma pampilhosense ambicionava chegar a uma inédita final que seria jogada, precisamente, em sua casa! Os serranos chegaram às meias-finais, pela quarta vez na historia, ao afastarem sempre equipas da Divisão de Honra: Académica SF, Marialvas e Ançã FC. Nas meias-finais o adversário foi o Condeixa, equipa que se sagou campeã, num jogo em Pampilhosa da Serra! A partida foi bem disputada e o Pampilhosense marcou cedo, mas viu o Condeixa a fazer a cambalhota no marcador nos últimos 10’! Esteve perto de acontecer uma inédita final!

 

Numero de Jogos:
A equipa serrana realizou no total da temporada 34 desafios, 30 para o campeonato e 4 para a taça. Apenas dois jogadores participaram em todos os desafios, Rafa e Dias.

Rafa 18-19.jpg

Rafa (na foto) e Dias foram os únicos atletas a participar nos 34 jogos realizados pelo Pampilhosense.

 

34 Jogos – Rafa e Dias
33 Jogos – Will e Miguel Barreto
32 Jogos – Ricky
31 Jogos – Amândio
30 Jogos – Renato e Ronaldo
29 Jogos – Seco
28 Jogos – Kiko
27 Jogos – Abel
25 Jogos – Kiko Dias
20 Jogos – Simão
19 Jogos – Flávio Salgado
15 Jogos – Rola
14 Jogos – Carlos Lima
13 Jogos – Cristiano
10 Jogos – Rui Velho
7 Jogos – Cédric
3 Jogos – César Palheira e Luís Ramos

 

Minutos Jogados:
Foi uma longa e desgastantes temporada, com muitos minutos de jogo. Três atletas estiveram à beira dos 3000’, Dias, Rafa e Ricky, sendo que estes últimos dois são dos mais experientes da equipa.

Dias 18-19.jpg

Dias ficou perto dos 3000’! O avançado pampilhosense realizou uma excelente temporada.

 

Dias – 2942m
Rafa – 2912m
Ricky – 2873m
Renato – 2634m
Ronaldo – 2532m
Seco – 2465m
Will – 2439m
Kiko – 2434m
Amândio – 1953m
Miguel Barreto – 1805m
Kiko Dias – 1533m
Flávio Salgado – 1357m
Simão – 1224m
Carlos Lima – 1176m
Abel – 1133m
Cristiano – 980m
Cédric – 628m
Rola – 572m
Rui Velho – 199m
Luís Ramos – 73m
César Palheira – 10m


Numero de Golos:
Quando falamos de goleadores, houve dois jogares a destacarem-se dos restantes. Dias, que volta a aparecer neste dado estatístico, e Ricky valeram, juntos, mais de 30 remates certeiros.

Dias Ricky 18-19 min.jpg

Os dois avançados discutiram até ao fim o “titulo” de melhor marcador da equipa. Ricky teve menos dois jogos e conseguiu o “feito” de marcar em seis jogos consecutivos.

 

18 Golos – Dias (15C+3T)
15 Golos – Ricky (13C+2T)
5 Golos – Simão
4 Golos – Ronaldo (3C+1T)
3 Golos – Seco
2 Golos – Amândio e Kiko Dias (1T+1C)
1 Golo – Rola, Will, Miguel Barreto e AG


Numero de Assistências:
Simão foi quem mais assistiu os seus companheiros para golo, seguido de perto por Ronaldo. Rola também merece uma referência pelas quatro assistências que fez tendo em conta o numero de jogos realizados.

528952_med_pampilhosense_x_marialvas_af_coimbra_di

Apesar de ficar afastado por lesão metade da temporada, Simão ainda conseguiu fazer 6 passes para golo e terminar na frente neste dado!

 

6 – Simão
5 – Ronaldo (3C+2T)
4 – Rola e Seco
3 – Renato e Dias
2 – Abel (1C+1T), Amândio, Miguel Barreto
1 – Kiko Dias, Flávio Salgado, Rafa, Ricky e Carlos Lima

 

A terminar, um agradecimento muitos especial a todos os adeptos que acompanharam e apoiaram a equipa ao longo de toda a temporada. Em muitos momentos foram a força “extra” para que a equipa conseguisse várias vitórias nas retas finais dos jogos, assim como em algumas cambalhotas no marcador.

 

Fica um video com alguns, dos muitos, momentos da época:

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:02

PAMPILHOSENSE MORRE NA PRAIA!

por ultraserranos4605, em 20.05.19

TOCHA - PAMPILHOSENSE

Tocha - Pampilhosense 30ªJ DH 19-05-19 1.jpg

 

30ª Jornada da Divisão de Honra AF Coimbra
Complexo Desportivo da Tocha
Assistência: cerca de 100 espetadores
Árbitro: Rodrigo Pais
Auxiliares: Mário Serrano e João Ferreira
Ao intervalo: 0-1

 

Pampilhosense:
Kiko, Seco, Carlos Lima (Kiko Dias 83’), Renato, Amândio, Rafa (Abel 63’), Will, Ronaldo, Miguel Barreto (Rola 75’), Ricky e Dias.
Suplentes não utilizados: Cédric, Cristiano, Luís Ramos e Rui Velho
Treinador: Carlos Alegre

 

Tocha:
Hélio Dias, Juninho, Kanu, Gravato (Manuel Ramos 81’), João Neves, Fatia, Curto, Pato (João Silva 40’(Rafael Costa 81’)), Tiago Conceição, Sassa e Fred Silva.
Suplentes não utilizados: Henrique, Rui Pereira, Zé Miguel e Jeremias
Treinador: Davide Dias

 

Ação Disciplinar:
Amarelos: Dias 45’ e Carlos Lima 62’ (pampilhosense); Hélio Dias 83’ e Tiago Conceição 89’ (Tocha).
Vermelhos diretos: Juninho 78’ (Tocha)

 

Golos:
Dias 7’ (Pampilhosense); Sassa 47’ (Tocha)

Tocha - Pampilhosense 30ªJ DH 19-05-19 2.JPG

 

No ultimo desafio da temporada o Pampilhosense deslocava-se à Tocha com o intuito de segurar o terceiro lugar, posição que garantia a Taça de Portugal na próxima época. Do outro lado estava um conjunto que realizou uma excelente segunda volta e, praticamente com a posição definida, queria terminar a temporada com um triunfo em casa.

Tocha - Pampilhosense 30ªJ DH 19-05-19 3.JPG

 

A viagem aos ares da praia começou da melhor forma para os serranos que, aos 7’, vão chegar à vantagem no marcador. Na sequencia de uma boa jogada coletiva Ricky desmarcou-se e serviu Dias que, ao segundo poste, concluiu com êxito e pôs o Pampilhosense na frente. Era um bom pronúncio para a turma de Pampilhosa da Serra que precisava de somar os três pontos. E até final do primeiro tempo foram os serranos a controlar as operações, não criaram mais ocasiões de golo mas também não permitiu ao adversário.

Tocha - Pampilhosense 30ªJ DH 19-05-19 4.JPG

 

Na segunda metade a equipa da casa entrou mais atrevida e isso ficou patente logo aos 46’, com Juninho a cruzar e João Silva a rematar para uma excelente defesa de Kiko para canto! Mas na sequência do pontapé de canto o Tocha chega à igualdade, depois de um desvio ao primeiro poste Gravato surge ao segundo a atirar ao poste, no entanto a bola a sobrou para o coração da pequena área onde surge Sassa a finalizar de forma fácil. A equipa do Pampilhosense tinha de reagir e até marcou por intermédio de Ricky, aos 58’, mas o lance foi anulado por fora de jogo. Com os serranos a arriscarem o Tocha tinha mais espaço para explorar o contra-ataque! E aos 63’, numa rápida jogada de ataque dos da casa, Curto ofereceu o golo a João Silva, mas este não conseguiu levar a melhor sobre Kiko que lhe “roubou” a bola no 1x1! Depois dos 78’ as coisas complicaram para a formação do Tocha, Juninho agrediu Will e recebeu ordem de expulsão! Mas a partir deste momento o tempo útil de jogo foi bem menor e o Pampilhosense, apesar da maior pressão sobre o adversário, o mais perto que esteve da vitoria foi através de um “chapéu” de Will, aos 83’, que saiu por cima do travessão!

Tocha - Pampilhosense 30ªJ DH 19-05-19 5.JPG

 

O Pampilhosense já sabia que iria encontrar uma equipa muito diferente da primeira volta do campeonato. O que se confirmou no campo! Os serranos até marcaram primeiro, dando o sinal de que poderiam caminhar para o triunfo. Mas o empate surgiu no arranque do segundo tempo e, até final, a equipa pampilhosense não conseguiu alterar o rumo dos acontecimentos. Assim, com o empate, o Pampilhosense acaba por morrer na praia e deixar fugir o ultimo lugar do pódio, e consequente acesso à Taça de Portugal, sobre a linha de meta. Este resultado apenas servia para o Pampilhosense se o Ançã FC perdesse pontos em Penela ou, em caso de vitória do “ferryaço”, o Vigor Mocidade também vencesse na Figueira da Foz, deixando as três equipas em igualdade pontual! A igualdade pontual somente com o Ançã FC, o que se verificou, deixa o Pampilhosense na quarta posição!

 

A arbitragem não ficou isenta de erros. Duvidas em dois lances importantes: no golo anulado ao Pampilhosense e de uma grande penalidade para o Tocha nos instantes finais!

 

Ultima Jornada:
Académica SF 1-2 Brasfemes
Pacheco (AAC SF); Márito (2) (RB)

 

Eirense 2-2 Condeixa
João e Afonso (UCE); João Olavo e André Gonçalo (CC)

 

Sourense 3-0 Lagares da Beira
Marco, Quaresma e Mário Brito

 

Tocha 1-1 Pampilhosense
Sassa (UDT); Dias (GDP)

 

Naval 1893 2-1 Vigor Mocidade
Ricardo e Joary (Nav); Paganini (VM)

 

Tourizense 4-1 Marialvas
Jessi, Cadu (2) e Sané (GDT); Beny (Mar)

 

Carapinheirense 1-1 União FC
Ricardo (CAC); Nino (UFC)

 

Penelense 1-4 Ançã FC
Isma (Pen); Hugo, Bernardo e Valter Silva (2) (AFC)

 

Classificação Final:

Class Final DH 19-05-19.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:13

EMPATE LEVA DECISÃO DO PÓDIO PARA A ULTIMA JORNADA

por ultraserranos4605, em 13.05.19

PAMPILHOSENSE - NAVAL 1893

Pampilhosense - Naval 1893 29ªJ DH 12-05-19 1.jpg

 

29ª Jornada da Divisão de Honra AF Coimbra
Estádio Municipal de Pampilhosa da Serra
Assistência: cerca de 100 espetadores
Árbitro: Joel Pacheco
Auxiliares: Luís Vilela e Nuno Severa
Ao intervalo: 0-1


Pampilhosense:
Kiko, Seco (Cristiano 95’), Renato, Carlos Lima, Rola (Abel 59’), Rafa, Ronaldo, Will, Miguel Barreto (Kiko Dias 74’) e Dias.
Suplentes não utilizados: Cédric, Rui Velho e Luís Ramos
Treinador: Carlos Alegre

 

Naval 1893:
Vasco Guimarães, Luís, Ricardo, Copinho, André (Rony 83’), César Jesus, Rodolfo, Graça, Amaral (Nogueira 57’), Joary (Arlindo 88’) e Fred.
Suplentes não utilizados: Rui e Tiago
Treinador: José Godinho

 

Ação disciplinar
Amarelos:
Carlos Lima 31’, Rola 44’, Will 73’ e Abel 89’ (Pampilhosense).

 

Golos:
Seco 49’ e Dias 92’ (Pampilhosense); Joary 40’ e Graça 80’ (Naval 1893).

Pampilhosense - Naval 1893 29ªJ DH 12-05-19 2.JPG

 

Em tarde quente na Pampilhosa da Serra a equipa do Pampilhosense despedia-se, em casa, dos seus adeptos com um desafio frente à Naval 1893, em que precisava de vencer para segurar o terceiro lugar. Já o conjunto da Figueira da Foz, com a classificação mais ou menos definida, vinha jogar com toda a tranquilidade e discutir o triunfo.

Pampilhosense - Naval 1893 29ªJ DH 12-05-19 3.JPG

 

A equipa serrana desde cedo começou a tomar as rédeas no desafio, embora sem conseguir criar situações de golo. A primeira ocasião surgiu, apenas, aos 32’, com Dias a aproveitar uma oferta de um defesa e, completamente isolado, a “embrulhar-se” com o guardião visitante e a não aproveitar a flagrante oportunidade. A equipa serrana não marcou e foi a Naval 1893 que, à passagem dos 40’, vai chegar à vantagem, depois de um pontapé de baliza largo, com Fred a ganhar com uma infração e isolar Joary que não perdoou. A equipa do Pampilhosense ainda reagiu sobre o apito final do primeiro tempo, com Ronaldo a cobrar um livre direto e obrigar Vasco Guimarães a defesa apertada, na recarga Carlos Lima permitiu nova intervenção ao guardião visitante.

Pampilhosense - Naval 1893 29ªJ DH 12-05-19 4.JPG

 

Na segunda metade a equipa pampilhosense entrou a "todo o gás" e o empate surge aos 49’, depois de um cruzamento largo de Ronaldo e Seco a concluir muito bem de cabeça. Pouco depois, aos 54’, a cambalhota no marcador fica perto de acontecer, com seco a cruzar à medida para Dias cabecear ao poste da baliza. Os serranos mantiveram a mesma toada e, aos 72’, Abel cruzou bem para Dias desviar ao primeiro poste com muito perigo. Mas, numa fase em que o jogo já estava mais equilibrado, os homens da Figueira da Foz vão sair de forma rápida para o ataque, aos 80’, com Graça a tabelar com um companheiro para surgir isolado a bater Kiko. O Pampilhosense voltou a reagir, Dias na pequena área, aos 83’, tem tudo para fazer o empate num remate que saiu por cima da trave. Até que aos 92’ Kiko Dias cruzou com perícia e Dias, de cabeça, desta vez não perdoou e estabeleceu o resultado final em 2-2.

Pampilhosense - Naval 1893 29ªJ DH 12-05-19 5.JPG

 

No geral a equipa Pampilhosense foi melhor que a Naval 1893. Mas o conjunto que viajou desde da Figueira da Foz fez pela vida e aproveitou, e bem, as oportunidades e os erros pampilhosenses. Os serranos acabaram por ter mais ocasiões, concretizaram duas delas, mas não foi o suficiente para somar os três pontos que garantiriam o terceiro lugar. Assim, na ultima jornada, o Pampilhosense terá de vencer na Tocha se quiser segurar o ultimo lugar no pódio.

 

Arbitragem arrogante e fraca de Joel Pacheco que apitou, pela segunda semana consecutiva, a Naval 1893! Para além de outros erros, o maior foi ao não assinalar uma infração clara no lance que resultou o primeiro golo da Naval 1893. Teve influência no resultado!

 

A uma jornada do final já temos campeão. O Condeixa, beneficiando do empate do Sourense, sagou-se campeão! Parabéns à equipa de Condeixa pelo titulo alcançado.

 

Resultados:
Brasfemes 1-2 Tocha
Fatia e Freire (UDT)

 

Condeixa 2-0 Académica SF
Rui Pereira (2)

 

Lagares da Beira 1-2 Eirense
;Marques (2) (UCE)

 

Pampilhosense 2-2 Naval 1893
Seco e Dias (GDP); Joary e Graça (Nav)

 

Vigor Mocidade 4-0 Carapinheirense
Marcos, Estanqueiro, Diogo Batista e Zé Marques

 

Marialvas 2-0 Penelense
João Maia e Didi

 

União FC 2-1 Tourizense
Silva (2) (UFC); Jessi (GDT)

 

Ançã FC 2-2 Sourense
Batista e Valter Silva (AFC); Rui Miguel e Mário Brito (GDS)

 

Classificação:

Class 29ªJ DH 12-05-19.jpg

 

Ultima Jornada:
Académica SF – Brasfemes
Eirense – Condeixa
Sourense – Lagares da Beira
Tocha – Pampilhosense
Naval 1893 – Vigor Mocidade
Tourizense – Marialvas
Carapinheirense – União FC
Penelense – Ançã FC

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:22

CAMBALHOTA PARA SEGURAR O TERCEIRO LUGAR

por ultraserranos4605, em 05.05.19

CARAPINHEIRENSE - PAMPILHOSENSE

Carapinheirense - Pampilhosense 28ªJ DH 04-05-19

 

28ª Jornada da Divisão de Honra AF Coimbra
Complexo Desp. de S. Pedro na Carapinheira
Assistência: cerca de 80 espetadores
Árbitro: Eduardo Alves
Assistentes: João Marques e Tiago Fernandes
Ao intervalo: 1-0

 

Pampilhosense:
Kiko, Seco, Renato, Carlos Lima, Rola (Amândio 52’), Rui Velho (Miguel Barreto 52’), Rafa, Ronaldo, Abel (Luís Ramos64’), Will e Dias.
Suplentes não utilizados: Cédric, Cristiano e Kiko Dias.
Treinador: Carlos Alegre

 

Carapinheirense:
Diogo Aveiro, Lavrador, Jairo, Carlos Santos (Timóteo 5’), Luís Jorge, Xavier Santos, Valentine, Ricardo, David, Faria (Pedro Muller 70’) e Xavier Monteiro (Quintas 82’).
Suplentes não utilizados: Bruno, Zé Paulo, Ângelo e Renato.
Treinador: Nuno Raquete

 

Ação Disciplinar:
Amarelos: Ronaldo 45’ e Dias 88’ (Pampilhosense); Timóteo 73’ (Carapinheirense)

 

Golos: Ronaldo 75’ e Dias 88’ (Pampilhosense); Valentine 42’ (Carapinheirense).

Carapinheirense - Pampilhosense 28ªJ DH 04-05-19

 

Frente ao Carapinheirense o Pampilhosense fazia o quarto jogo no espaço de dez dias, com o intuito de regressar aos triunfos para segurar o ultimo lugar do pódio. Do outro lado estava uma formação fora do perigo da despromoção e a atravessar um bom momento de resultados.

Carapinheirense - Pampilhosense 28ªJ DH 04-05-19

 

A primeira metade foi de dificuldades para a turma pampilhosense que, muito desinspirada, nunca conseguiu tomar as rédeas do jogo, perante um Carapinheirense mais atrevido e com maior vontade. Os serranos erraram muitos passes, essencialmente quando tentavam sair para o ataque, o que permitiu ao Carapinheirense recuperar bolas em zonas adiantadas e criar várias situações de golo! A primeira aos 18’, perda de bola serrana e passe para isolar Faria que rematou para defesa de Kiko. Pouco depois, aos 21’, nova situação para os da casa, mais uma perda de bola serrana e ataque rápido conduzido por Ricardo e Xavier Monteiro, com este último, sozinho dentro da grande área, a rematar à trave da baliza pampilhosense. Os de Pampilhosa da Serra não conseguiam reagir e o Carapinheirense, aos 33’, volta a ficar perto de marcar, depois de Faria cruzar atrasado para Xavier Monteiro, completamente sozinho, rematar para excelente intervenção de Kiko. Até que sem surpresas, aos 42’, o Carapinheirense vai chegar à vantagem, depois de um pontapé de canto para Valentine concluir ao segundo poste.

Carapinheirense - Pampilhosense 28ªJ DH 04-05-19

 

Na segunda metade o cariz de jogo alterou. O Pampilhosense precisava de vencer e tinha que fazer muito mais, e foi com uma postura de maior vontade que regressaram do intervalo. Aos 47’ Ronaldo deixa um primeiro aviso, ao obrigar Diogo Azevedo a uma boa defesa depois de um livre direto. Na resposta Ricardo intersetou um passe e correu para oferecer o golo a Faria, mas na pequena área o jogador da Carapinheira falhou a emenda! Mas o Pampilhosense começou a subir no terreno e criar algumas situações de maior perigo. Aos 69’ Will foi à linha final e serviu atrasado para aparecer Luís Ramos a atirar por cima! Até que aos 75’, na marcação de um livre direto, Ronaldo encheu-se de confiança e rematou colocadíssimo obtendo um excelente golo e empatar o jogo! O Carapinheirense tentou responder, o Pampilhosense voltou a perder mais uma bola em zona proibida e Quintas, que recebeu um cruzamento largo, surge com espaço ao segundo poste, mas valeu Kiko a sair rápido para fazer a “mancha”. Mas aos 88’, na melhor jogada coletiva do Pampilhosense, Seco surge rápido na direita a servir Dias que, com um excelente movimento de rotação, tira um adversário da frente e finaliza com sucesso! Feita a cambalhota no marcador o Pampilhosense geriu os instantes finais e segurou um importante triunfo.

Carapinheirense - Pampilhosense 28ªJ DH 04-05-19

 

Foi um jogo difícil para o Pampilhosense conseguir os três pontos. Na primeira metade a equipa serrana não esteve bem, mas retificou a postura no segundo tempo para conseguir uma cambalhota no marcador que mantém a equipa no ultimo luar do pódio, um lugar que pode garantir um inédito apuramento para a Taça de Portugal! Faltam duas jornadas!

 

Boa arbitragem.

 

Resultados:
Tocha 1-1 Condeixa
Fred (UDT); João Freire (ag) (CC)

 

Académica SF 1-1 Lagares da Beira
Pacheco (AAC SF); Torrão (LB)

 

Eirense 0-2 Sourense
Quintero e Amaral

 

Naval 1893 3-3 Brasfemes
Graça, César e Luca (Nav); Marito (2) e Jaria (RB)

 

Carapinheirense 1-2 Pampilhosense
Valentine (CDC); Ronaldo e Dias (GDP)

 

Penelense 0-0 União FC

 

Tourizense 2-0 Vigor Mocidade
Deco e Jessi

 

Ançã FC 1-0 Marialvas
Nazaré

 

Classificação:

Class 28ªJ DH 04-05-19.jpg

 

Próxima Jornada:
Brasfemes – Tocha
Condeixa – Académica SF
Lagares da Beira – Eirense
Pampilhosense – Naval 1893
Vigor Mocidade – Carapinheirense
Marialvas – Penelense
União FC – Tourizense
Ançã FC – Sourense

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:31

SERRANOS NÃO TIVERAM "PERNAS"!

por ultraserranos4605, em 02.05.19

PAMPILHOSENSE - TOURIZENSE

Pampilhosense - Tourizense 27ªJ DH 01-05-19 1.jpg

 

27ª Jornada da Divisão de Honra AF Coimbra
Estádio Municipal de Pampilhosa da Serra
Assistência: cerca de 100 espetadores
Árbitro: Bruno Pombo
Assistentes: Vinícius Pires e Eduardo Nunes
Ao intervalo: 0-1

 

Pampilhosense:
Kiko, Abel, Kiko Dias, Carlos Lima, Rola (Miguel Barreto 56’), Rafa (Rui Velho 77’), Ronaldo, Will, Seco (Dias 45’), Amândio e Ricky.
Suplentes não utilizados: Cristiano e Renato
Treinador: Carlos Alegre

 

Tourizense:
Júnior, Cláudio Bandeira, Xie, Odair, Deco, Ludovico, Jessi (Barca 80’), Ronaldinho (Rafa 54’), Abi, Sané (Cadu 89’) e Guimar.
Suplentes não utilizados: Zé Miguel
Treinador: Tó Margarido

 

Ação disciplinar:
Amarelos:
Rola (banco), Amândio 90’ e Carlos Lima 97’ (Pampilhosense); Xie 27’ e Guimar 96’ (Tourizense)

Golos: Xie 35’

Pampilhosense - Tourizense 27ªJ DH 01-05-19 2.JPG

 

Na receção ao Tourizense o Pampilhosense cumpria o terceiro jogo em menos de uma semana e, apesar do cansaço, ambicionava reforçar o terceiro posto. Já a equipa de Touriz vinha a Pampilhosa da Serra com total tranquilidade e o intuito de dar seguimentos aos excelentes resultados na segunda volta.

Pampilhosense - Tourizense 27ªJ DH 01-05-19 3.JPG

 

Foi a equipa de Touriz que melhor entrou no jogo, mas sem oportunidades de golo, aliás, essa foi uma toada em quase todo o jogo. O primeiro sinal de perigo surgiu só aos 22’, para os visitantes e de bola parada, com Cláudio Bandeira a rematar para defesa difícil de Kiko. O Pampilhosense respondeu aos 31’, através de um ataque rápido, com Amândio a rematar para uma defesa atenta de Júnior. O jogo estava com pouca clarividência e, aos 34’, Xie tem um pontapé na monotonia, do meio da rua, e bate o guardião Kiko, colocando o Tourizense na frente do marcador. Os serranos ainda reagiram no minuto seguinte, com Ricky a entrar dentro da grande área e, de ângulo reduzido mas só com o guarda-redes pela frente, rematar às malhas laterais.

Pampilhosense - Tourizense 27ªJ DH 01-05-19 4.JPG

 

No segundo tempo o Pampilhosense foi em busca de atenuar o prejuízo, mas esbarrou numa equipa bem organizada defensivamente e que aproveitava todas as oportunidades para “queimar” algum tempo! Aos 58’ Ronaldo, de live direto, obrigou Júnior a uma defesa mais complicada dando o sinal que os serranos queriam mais! Mas, apesar de maior persistência do Pampilhosense, o jogo decorreu sem grandes ocasiões de golo. A exceção aconteceu já perto do final, aos 85’, com Dias a surgir completamente isolado a permitir a intervenção de Junior, no ressalto a bola sobrou para Kiko Dias que, com a baliza completamente à sua mercê, viu Guimar, no chão, a salvar a sua equipa!

Pampilhosense - Tourizense 27ªJ DH 01-05-19 5.JPG

 

A equipa serrana já sabia que teria uma tarefa complicada, tanto pela qualidade do adversário como pelo cansaço acumulado de realizar o terceiro encontro em menos de uma semana! Os dois fatores pesaram, o Pampilhosense bem tentou outro resultado, mas faltou maior frescura física ao que juntou a qualidade do adversário! O Tourizense depois de chegar a vantagem, com experiência, aproveitou todas as oportunidades para “queimar” tempo e segurar os três pontos. Apesar de ter somado a quarta derrota no campeonato, o Pampilhosense mantém o terceiro posto.

 

O trabalho da equipa de arbitragem nem sempre foi feliz, mas não terá tido influência no resultado.

 

No decorrer da segunda parte, cerca dos 70’, Ricky teve um choque com o guardião contrário o que lhe provocou um traumatismo craniano, mesmo assim, esteve em campo até ao fim do jogo! No final o capitão pampilhosense foi transportado ao hospital para a realização de exames que confirmaram a suspeita. Ricky, que é conhecido pela sua determinação e luta, já está em casa a recuperar. Força campeão!

thumbnail_Ricky%202.jpg

 

Resultados:
União FC 2-1 Ançã FC

 

Lagares da Beira 1-2 Tocha
Luís Paulo (LB); Curto e Fatia (UDT)

 

Eirense 5-0 Académica SF
João Marques (3); Sarmento e Cardoso

 

Condeixa 4-0 Naval 1893
Rui Pereira, André Gonçalo e João Olavo (2)

 

Brasfemes 0-1 Carapinheirense
Faria

 

Vigor Mocidade 1-0 Penelense
Dani

 

Pampilhosense 0-1 Tourizense
Xie

 

Sourense 2-0 Marialvas
Quintero e Vitor Nogueira

 

Classificação:

Class DH 27ªJ 01-05-19.jpg

 

Próxima Jornada:
Tocha – Condeixa
Académica SF – Lagares da Beira
Eirense – Sourense
Naval 1893 – Brasfemes
Carapinheirense – Pampilhosense
Penelense – União FC
Tourizense – Vigor Mocidade

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:45

COM FORÇAS PARA SUBIR AO PÓDIO

por ultraserranos4605, em 29.04.19

PENELENSE - PAMPILHOSENSE

Penelense - Pampilhosense 26ªJ DH 28-04-19 1.jpg

 

26ª Jornada da Divisão de Honra AF Coimbra
Campo de S. Jorge em Penela
Assistência: cerca de 60 espetadores
Árbitro: Pedro Nascimento
Auxiliares: Gonçalo Esteves e Pedro Silva
Ao intervalo: 0-1

 

Pampilhosense:
Kiko, Abel, Renato, Carlos Lima, Amândio, Rafa, Ronaldo, Will, Miguel Barreto (Rui Velho 45’), Ricky (Kiko Dias 88’) e Dias (Rola 64’).
Suplentes não utilizados: Seco e Luís Ramos
Treinador: Carlos Alegre

 

Penelense:
Cláudio Cravo, Airton (Rui 83’), Gabriel, Fábio Gomes, Yekine (Diogo Pato 77’), Isma, Vinícius (Rui Melo 69’), Wilson, Loureiro, Diogo Azevedo e Pita.
Suplentes não utilizados: João Folhas, Rodrigo e Palmeirão
Treinador: Jorge Duarte

 

Ação Disciplinar:
Amarelos: Renato 40’ (Pampilhosense); Fábio Gomes 40’ (Penelense).

 

Golos: Ricky 18’, Rola 79’ e Ronaldo (gp) 85’ (Pampilhosense); Fábio Gomes 62’ e Rui 92’ (Penelense).

Penelense - Pampilhosense 26ªJ DH 28-04-19 2.JPG

 

Depois do afastamento da Taça AFC em jogo muito intenso e disputado na quinta-feira, o Pampilhosense voltava a entrar em campo com apenas dois dias de intervalo centrando, agora, todas as atenções para o campeonato. A viagem a Penela era um difícil teste à capacidade física e mental dos serranos, perante uma equipa tranquila a tabela e que iria atuar desinibida.

Penelense - Pampilhosense 26ªJ DH 28-04-19 3.JPG

 

A equipa do Pampilhosense não esteve inspirada no primeiro tempo, o Penelense mostrou mais argumentos e, principalmente, maior frescura, o que fez com que dominasse, quase por inteiro, os primeiros 45’. Mas, curiosamente, foi o Pampilhosense a sair na frente do marcador, aos 18’, na sequência de um lançamento lateral que a defensiva local não afastou e Ricky, de cabeça, desviou para o fundo da baliza do Penelense. Perante a organização serrana o Penelense, que dominava as ações no meio campo, respondeu de meia distância e Fábio Gomes, aos 27’, rematou com estrondo à barra da baliza de Kiko. Pouco depois, aos 29’, boa triangulação pelo centro entre Isma e Vinicius com o primeiro a atirar fortíssimo, de fora da grande área, para uma excelente defesa de Kiko. Sobre o final do primeiro tempo, aos 44’, o guardião serrano volta a estar em destaque, depois de um livre lateral com Isma a aproveitar um desvio e cabecear para uma enorme defesa de Kiko. Ao intervalo os serranos venciam pela margem mínima, muito por “culpa” de duas excelentes intervenções de Kiko a manter a sua baliza inviolável.

Penelense - Pampilhosense 26ªJ DH 28-04-19 4.JPG

 

Na segunda metade o Pampilhosense surgiu com outro rosto, mas foi o Penelense a chegar ao golo, aos 62’, depois de uma excelente jogada com Fábio Gomes a surgir na cara de Kiko a concluir com êxito. Depois do desgaste de quinta-feira poderia pensar-se que o Pampilhosense não iria conseguir responder à altura, e que o Penelense iria caminhar para a reviravolta. Mas não foi isso que aconteceu, os serranos reagiram e foram em busca do único resultado que interessava para os seus objetivos: o triunfo. E aos 79’, na marcação de um livre lateral, Rola surpreende tudo e todos ao atirar direto na baliza colocando o Pampilhosense de novo na frente do marcador. Pouco depois, aos 84’, Diogo Azevedo corta a bola com o braço dentro da grande área, grande penalidade que Ronaldo, chamado a converter, não desperdiçou e sentenciou o encontro. O Penelense ainda reduziu para a diferença mínimo em período de compensação, através de uma rápida jogada de ataque com Rui a concluir.

Penelense - Pampilhosense 26ªJ DH 28-04-19 5.JPG

 

A equipa serrana deu uma excelente resposta depois do jogo da meia-final da Taça AFC. A primeira metade não foi muito bem conseguida, também por mérito do adversário, mas no segundo tempo o Pampilhosense encontrou forças para alcançar três importantes pontos na luta pelo ultimo lugar do pódio. Nota para Ricky que com o golo de ontem consegue a marca de seis jogos consecutivos a marcar com a camisola serrana!

 

Bom trabalho da equipa de arbitragem.

 

Resultados:
Naval 1893 2-2 Lagares da Beira
Juary (2) (Nav); Francisco e Romário Oliveira (LB)

 

Tocha 1-0 Eirense
Fatia

 

Académica SF 0-3 Sourense
Quaresma, Rui Miguel e Marco

 

Carapinheirense 2-3 Condeixa
Carlos Santos e Valentine (CDC); Hugo Amado e João Olavo (2) (CC)

 

Tourizense 6-1 Brasfemes
Ludovico (2), Sané (2), Jessi e Dembelé (GDT); Igor (RB)

 

Ançã FC 0-0 Vigor Mocidade

 

Penelense 2-3 Pampilhosense
Fábio Gomes e Rui (Pen); Ricky, Rola e Ronaldo (GDP)

 

Marialvas 1-2 União FC
Bita (Mar); Curica e Veigo (UFC)

 

Classificação:

Class DH 26ªJ 28-04-19.jpg

 

Próxima Jornada:
União FC 2-1 Ançã FC
Lagares da Beira – Tocha
Eirense – Académica SF
Condeixa – Naval 1893
Brasfemes – Carapinheirense
Vigor Mocidade – Penelense
Pampilhosense – Tourizense
Sourense – Marialvas

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:09

EMPATE ADIA LUTA PELO PÓDIO

por ultraserranos4605, em 15.04.19

PAMPILHOSENSE - ANÇÃ FC

Pampilhosense - Ançã FC 25ªJ DH 14-04-19 1.jpg

 

25ª Jornada da Divisão de Honra AF Coimbra
Estádio Municipal de Pampilhosa da Serra
Assistência: cerca de 250 espetadores
Árbitro: Paulo Antunes
Assistentes: João Rodrigues e Célia Gonçalves
Ao intervalo: 1-1

 

Pampilhosense:
Cédric, Abel, Renato, Caros Lima, Seco, kiko Dias (Rola 85’), Rafa, Ronaldo, Will, Ricky e Dias (Miguel Barreto 66’).
Suplentes não utilizados: Kiko, Cristiano, Rui Velho e Luís Ramos
Treinador: Carlos Alegre


Ançã FC:
Ivo, Batista, gabi, JP, Valter (Citro 90’), Pedro Alves, Neves, Pepe (Pétô 83’), Nazaré, Bernardo (Hugo 86’) e Xuna.
Suplentes não utilizados: Ruben, Nuno Santos e Dani.
Treinador: António Cortesão

 

Ação disciplinar:
Amarelos: Ronaldo 31’ e Carlos Lima 55’ (Pampilhosense); Gabi 29’, Batista 80’ e Neves 83’ (Ançã FC).

 

Golos: Ricky 22’ (Pampilhosense); Valter 44’ (Ançã FC)

Pampilhosense - Ançã FC 25ªJ DH 14-04-19 2.JPG

 

Pampilhosense e Ançã FC dividiam a terceira posição com o mesmo numero de pontos e tentavam, com um triunfo neste confronto, dar um passo importante na luta pelo ultimo lugar do pódio.

Pampilhosense - Ançã FC 25ªJ DH 14-04-19 5.JPG

 

Assistiu-se a um jogo muito tático e disputado sobre o meio campo, com escassas oportunidades e domínio repartido entre ambos. Foi o Pampilhosense que saiu na frente do marcador aos 22’, depois de um passe de Renato para as costas da defensiva adversária onde surgiu Ricky que, isolado, não desperdiçou. O Ançã FC tentou reagir e Xuna, aos 35’, executa um livre direto com mestria fazendo a bola passar muito perto do poste direito da baliza serrana. O empate acabou mesmo por surgiu, ao cair do pano do primeiro tempo, com Nazaré a rematar forte para uma boa defesa de Cédric mas, no entanto, a bola sobrou para Valter que, na recarga, não desperdiçou.

Pampilhosense - Ançã FC 25ªJ DH 14-04-19 6.JPG

 

A toada de equilíbrio manteve-se no segundo tempo e as oportunidades de golo foram escassas, uma para cada lado. A primeira aos 56’, para o Pampilhosense, com Dias a aproveitar uma oferta do adversário e, completamente isolado, rematar para defesa de Ivo. Pouco depois, aos 63’, foi a vez de Valter ter muito espaço em zona frontal para rematar para defesa de Cédric. Até final as duas equipas continuaram a dividir as despesas no encontro, numa fase em que nem sempre o jogo foi bem jogado.

Pampilhosense - Ançã FC 25ªJ DH 14-04-19 3.JPG

 

Jogo equilibrado entre Pampilhosense e Ançã FC. Domínio repartido, a espaços entre os dois conjuntos, que teve um desfecho justo. A luta pelo ultimo lugar do pódio fica adiada para as ultimas jornadas.

Pampilhosense - Ançã FC 25ªJ DH 14-04-19 4.JPG

 

O trio de arbitragem não teve um trabalho isento de erros.

 

Resultados:
Lagares da Beira 1-2 Carapinheirense
David (LB); Xavier Monteiro e David Paulo (CDC)

 

Eirense 0-1 Naval 1893
Juary

 

Académica SF 0-4 Tocha
Kia (2), Sena e Fatia

 

Condeixa 2-1 Tourizense
Rui Pereira e Hugo Amado (CC); Sané (GDT)

 

Brasfemes 0-2 Penelense
Fábio e Ismael

 

Vigor Mocidade 1-2 Marialvas
Gil (VM); João Maria e Hiago (Mar)

 

Pampilhosense 1-1 Ançã FC
Ricky (GDP); Valter Silva (AFC)

 

Sourense 2-1 União FC
Quintero e Rui Miguel (GDS); Bruno (UFC)

 

Classificação:

Class 25ªJ DH 15-04-19.jpg

 

Próxima Jornada:
Naval 1893 – Lagares da Beira
Tocha – Eirense
Académica SF – Sourense
Carapinheirense – Condeixa
Tourizense – Brasfemes
Ançã FC – Vigor Mocidade
Penelense – Pampilhosense
Marialvas – União FC

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:36

MARIALVAS - PAMPILHOSENSE

Marialvas - Pampilhosense 24ªJ DH 07-04-19 1.jpg

 

24ª Jornada da Divisão de Honra AF Coimbra
Estádio Municipal de Pampilhosa da Serra
Árbitro: André Rodrigues
Auxiliares: Luís Tavares e Fernando Gouveia
Ao intervalo: 1-1

 

Pampilhosense:
Kiko, Seco, Renato, Carlos Lima, Rola (Amândio 55’), Rafa (Kiko Dias 73’), Ronaldo, Will, Miguel Barreto (Abel 65’), Ricky e Dias.
Suplentes não utilizados: Cédric, Rui Velho e Cristiano
Treinador: Carlos Alegre

 

Marialvas:
Neto, Gabi, Coelho, João Mário, Xavier, Levezinho, João Maria, Roger, Bita, Didi (Beny 81’) e Ivo (Lameiras 89’).
Suplentes não utilizados: Rodrigo Cruz, Hiago, Zambrano, Bruno e Diogo.
Treinador: Luís Augusto

 

Ação Disciplinar:
Amarelos:
Rola 29’, Renato 53’, Ronaldo 78’ e Ricky 83’ (Pampilhosense); João Maria 79’ (Marialvas).

 

Golos: Ricky 26’ (Pampilhosense); Ivo 27’ (Marialvas)

Marialvas - Pampilhosense 24ªJ DH 07-04-19 2.JPG

 

Em tarde de inverno Pampilhosense e Marialvas disputavam a conquista dos três pontos, tendo em vista aspirações diferentes na tabela. A equipa serrana tentava segurar o ultimo lugar no pódio e manter a esperança no segundo lugar, já o conjunto de Cantanhede queria ainda maior tranquilidade na tabela classificativa.

Marialvas - Pampilhosense 24ªJ DH 07-04-19 3.JPG

 

O jogo arrancou com a equipa da casa a deixar claro que queria lutar pelos pontos e, logo aos 2’, ameaçou a baliza de Kiko, depois de um livre lateral com Ivo a aproveitar um ressalto para cabecear por cima do travessão. A equipa do Pampilhosense, aos poucos, começou a subir no terreno e, aos 26’, vai chegar à vantagem no marcador, com Rola a cobrar o canto para Ricky concluir sem dificuldades na pequena área. Mas os jogadores serranos nem tempo tiveram para saborear a vantagem porque, na jogada imediata, o Marialvas vai restabelecer a igualdade. Na sequencia de um cruzamento, aparentemente inofensivo, o guardião Kiko não agarrou a bola junto à relva e Ivo surgiu, oportuno, a aproveitar a oferta. O jogo animou com estes dois golos de rajada, mas só perto do final do primeiro tempo (45’) o perigo voltou a rondar uma das balizas, no caso a do Marialvas. Novamente na marcação de um canto o Pampilhosense fica perto do golo, com Dias a desviar de cabeça mas a bola a ir de encontro a um adversário que, assim, evitou o golo quase sobre a linha.

Marialvas - Pampilhosense 24ªJ DH 07-04-19 4.JPG

 

Na segunda metade a equipa serrana tentou ser mais pressionante em busca do golo, mas foi o Marialvas a ter a primeira ocasião, aos 52’, com Ivo a colocar ao segundo poste onde apareceu Didi em boa posição, valendo Kiko a executar uma excelente “mancha” a negar o segundo tento dos da casa. Com o passar dos minutos a equipa da casa parecia mais satisfeita com o empate, sendo que o Pampilhosense mostrava mais vontade em chegar à vitória. Aos 64’ Amândio tem uma boa incursão pela esquerda e serve Ricky que desvia, ao primeiro poste, obrigando o guardião Neto a uma boa defesa. Já perto do final, aos 85’, a bola acabou mesmo por entrar na baliza do Marialvas, depois de uma primeira boa defesa de Neto a remate de Ricky na pequena área, na recarga o jogador serrano introduziu a bola na baliza mas o lance é invalidado por suposta falta sobre o guarda-redes. Até final a turma pampilhosense voltou a criar duas ou três situações de algum perigo para a baliza adversária, mas o resultado não se alteraria.

Marialvas - Pampilhosense 24ªJ DH 07-04-19 5.JPG

 

Jogo com algum equilíbrio entre as duas equipas, essencialmente no primeiro tempo. Na segunda parte o Pampilhosense teve mais vontade mas, perante um Marialvas bem organizado defensivamente e mais satisfeito com o empate, o resultado não se alterou.

Marialvas - Pampilhosense 24ªJ DH 07-04-19 6.JPG

 

A equipa de arbitragem não está isente de erros, principalmente no ajuizamento de alguns lances de fora de jogo. À mesma equipa já vimos fazer muito melhor nesta época!

 

Resultados:
Carapinheirense 2-1 Eirense
Ricardo e Faria (CDC); Vadilson (UCE)

 

Naval 1893 1-0 Académica SF
Ricardo

 

Tocha 1-4 Sourense
Quim (UDT); Mário Brito, Quintero, Fachada e Quaresma (GDS)

 

Tourizense 2-0 Lagares da Beira
Cadú (2)

 

Penelense 0-2 Condeixa
Rui Pereira e Wilson

 

Marialvas 1-1 Pampilhosense
Ivo (Mar); Ricky (GDP)

 

Ançã FC 2-1 Brasfemes
Valter Silva e Pêtó (AFC); Márito (RB)

 

União FC 1-0 Vigor Mocidade
Curica

 

Classificação:

Class 24ªJ DH 07-04-19.jpg

 

Próxima Jornada:
Lagares da Beira – Carapinheirense
Eirense – Naval 1893
Académica SF – Tocha
Condeixa – Tourizense
Brasfemes – Penelense
Vigor Mocidade – Marialvas
Pampilhosense – Ançã FC
Sourense – União FC

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:51

EMOÇÃO, GOLOS E O PAMPILHOSENSE EM TERCEIRO!

por ultraserranos4605, em 01.04.19

PAMPILHOSENSE - UNIÃO FC

Pampilhosense - União FC 23ªJ DH 31-03-19 1.jpg

 

23ª Jornada da Divisão de Honra AF Coimbra
Estádio Municipal de Pampilhosa da Serra
Assistência: cerca de 100 espetadores
Árbitro: Rodrigo Pais
Auxiliares: Flávio Fonseca e Leandro Silva
Ao intervalo: 3-2

 

Pampilhosense:
Kiko, Seo, Renato, Carlos Lima, Rola (Abel 87’), Rafa, Ronaldo, Will, Miguel Barreto (Rui Velho 67’), Ricky e Dias (Kiko Dias 90+1’)
Suplentes não utilizados: Cédric, Cristiano, Luís Ramos e Amândio
Treinador: Carlos Alegre

 

União FC:
Marcelo, Batista, Danilo, Marcos, Tiago (David Escada 51’), Joel, Bruno (Diogo Costa 71’), Veigo (Leandro 80’), Curica, Silva e André Santos.
Suplentes não utilizados: B.T., França, Cédric e Nuno.
Treinador: Paulo Neves

 

Ação Disciplinar:
Amarelos: Ronaldo 45’, Seco 57’ e Rafa 90+3’ (Pampilhosense); André Santos 33’, Joel 45’, Veigo 65’, David Escada 87’ e Danilo 88’ (União FC).

 

Golos:
Dias 26’, 43’ (GP) e 47’ e Ricky 28’ (Pampilhosense); Bruno 23’, Rola (AG) 39’ e Silva 52’ (União FC).

Pampilhosense - União FC 23ªJ DH 31-03-19 2.JPG

 

No regresso a casa o Pampilhosense espreitava voltar, também, aos triunfos perante um União FC que vinha com disposição de, com uma vitória, se aproximar ao pódio.

Pampilhosense - União FC 23ªJ DH 31-03-19 3.JPG

 

Foi um desafio recheado de emoção e com chuva de golos, sete no total! Numa primeira parte frenética entrou melhor a equipa da casa com Dias, aos 2’, e Will, aos 10’, a desperdiçarem duas boas ocasiões para inaugurar o marcador, sendo que na segunda valeu a intervenção do guardião Marcelo. Mas foi o União FC a marcar primeiro, aos 23’, com Curica a ter uma jogada magistral pela direita, entrar na grande área, para oferecer o golo a Bruno. A resposta serrana não tardou e, aos 26’, Rola cobrou o livre e Dias surgiu solto a rematar para o empate. Dois minutos depois, na sequencia de uma boa jogada de ataque, Miguel Barreto cruzou e Ricky apareceu para, com o peito, colocar o Pampilhosense na frente do marcador. A equipa serrana não tirou o pé do acelerador e Will, aos 30’, tinha tudo para fazer o golo depois de um ressalto, mas o remate encontrou o único obstáculo no caminho para baliza, o defesa Danilo a evitar sobre a linha. Mas o jogo estava animado e, aos 39’, o União FC vai empatar o desafio. André Santos correu pela esquerda, entrou na grande área, e rematou para Kiko defender, no entanto a bola ressaltou em Rola e acabou por entrar na própria baliza. As emoções continuavam à flor da pele e o Pampilhosense, ainda antes do intervalo, volta a saltar para a frente do marcador, com Dias a concretizar um pontapé de penalti.

Pampilhosense - União FC 23ªJ DH 31-03-19 4.JPG

 

A segunda metade abriu com mais golos e a avalanche parecia continuar! Aos 47’ Seco cruzou e Dias aproveitou uma falha da defensiva adversaria para marcar o seu terceiro golo e colocar o Pampilhosense a vencer por 4-2. Mas o União FC não entregou os pontos e, aos 52’, na sequencia de um livre, Silva surgiu à entrada da grande área para, num pontapé de ressaca, colocar o marcador na diferença mínima. Mas a partir daqui a torneira dos golos fechou! O União FC bem lutou com as suas armas para tentar um resultado diferente, mas o Pampilhosense tapava bem os caminhos para a sua baliza, tentando explorar rápidas jogadas para o ataque. Numa dessas situações, aos 79’, Dias surge a rematar cruzado com perigo. E sobre o apito final, aos 90+1’, o empate quase aconteceu com Silva, bem colocado, a rematar, valendo Renato a “oferecer” o corpo para evitar males maiores – a bola saiu a rasar a trave!

Pampilhosense - União FC 23ªJ DH 31-03-19 5.JPG

 

Jogo com muitos golos, alternância de resultado, emoção e resultado incerto até final. A equipa serrana foi sempre mais perigosa, mas o União FC também mostrou argumentos. Depois de chegar ao quarto golo o Pampilhosense tentou, e conseguiu, controlar o desafio de encontro com os seus objetivos, algo que a equipa não tinha conseguido até então. Os visitantes bem tentaram outro desfecho, mas depois do 4-3 não mais conseguiu furar a organização pampilhosense. Com este resultado os serranos sobem ao ultimo lugar do pódio.

 

O trio de arbitragem não teve uma tarde feliz, cometendo inúmeros erros em prejuízo de ambas as equipas. O União FC queixou-se do pontapé de penalti assinalado à equipa serrana que deixa duvidas. E antes foi o Pampilhosense a reclamar um castigo máximo, esse claro, que resultaria também em expulsão do defesa visitante.

 

Resultados:
Condeixa 1-0 Ançã FC
André Jorge

 

Lagares da Beira 3-1 Penelense
Luís Loureiro (2) e Edson Aragao (LB); Diogo Marques (Pen)

 

Eirense 0-2 Tourizense
Deco e Sané

 

Brasfemes 0-0 Marialvas

 

Pampilhosense 4-3 União FC
Dias (3 (1GP)) e Ricky (GDP); Bruno, Rola (AG) e Silva (UFC)

 

Tocha 3-1 Naval 1893
Fred e Quim (2) (UDT); Fernandinho (Nav)

 

Sourense 1-1 Vigor Mocidade
Criatian (GDS); Portugal (VM)

 

Académica SF 0-0 Carapinheirense

 

Classificação:

Class 23ªJ DH 31-03-19.jpg

 

Próxima Jornada:
Carapinheirense – Eirense
Naval 1893 – Académica SF
Tocha – Sourense
Tourizense – Lagares da Beira
Penelense – Condeixa
Marialvas – Pampilhosense
Ançã FC – Brasfemes
União FC – Vigor Mocidade

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:53

EQUILÍBRIO DITA (INEVITÁVEL) EMPATE

por ultraserranos4605, em 25.03.19

VIGOR MOCIDADE - PAMPILHOSENSE

Vigor Mocidade - Pampilhosense 22ªJ DH 24-04-19 1

 

22ª Jornada da Divisão de Honra da AF Coimbra
Complexo Desp. do Vigor Mocidade
Assistência: Cerca de 100 espetadores
Árbitro: Paulo Antunes
Auxiliares: João Rodrigues e Hugo Rebelo
Ao intervalo: 0-0

 

Pampilhosense:
Kiko, Seco, Renato, Carlos Lima, Flávio Salgado (Rola 27’), Rafa, Ronaldo, Will, Miguel Barreto (Abel 73’), Ricky e Dias (Kiko Dias 85’).
Suplentes não utilizados: Cédric, Cristiano, Rui Velho e Luís Ramos
Treinador: Carlos Alegre

 

Vigor Mocidade:
João Cruz, Samuel, Portugal, Diogo Batista, Rafael (Luís Borges 59’), Gil, Estanqueiro (Cardoso 90’), Dani Pinto (Ruben 85’), Tiago Gomes, Marcos e Paganini.
Suplentes não utilizados: Malva, Serginho, Zé Marques e João Teixeira
Treinador: Rafael Silva

 

Ação Disciplinar:
Amarelos: Renato 39’ e Ronaldo 45’ (Pampilhosense); Rafael 26’, Marcos 53’, Tiago Gomes 66’ e Samuel 80’ (Vigor Mocidade)

 

Golos: Ricky 57’ (Pampilhosense); Paganini 70’ (Vigor Mocidade).

Vigor Mocidade - Pampilhosense 22ªJ DH 24-04-19 2

 

Pampilhosense e Vigor Mocidade prometiam uma entretida tarde de futebol, até porque as duas equipas têm vido a realizar uma agradável prestação no campeonato. A equipa serrana queria, com um triunfo, apagar o mau resultado da ultima ronda em Soure e subir ao terceiro posto, precisamente em troca com a equipa do Vigor Mocidade. Mas a jogar em casa o conjunto de Fala estava, também, com disposição de não desperdiçar a oportunidade para continuar no pódio.

Vigor Mocidade - Pampilhosense 22ªJ DH 24-04-19 3

 

Assistiu-se a um desafio bastante equilibrado e de domínio repartido, com as duas equipas, a espaços, a assumirem as despesas no encontro. A equipa da casa tem, logo aos 7’, um lance de algum perigo, com Dani Pinto a cobrar um livre lateral que pedia um desvio, que não aconteceu, e a bola passou perto do poste esquerdo da baliza de Kiko. A equipa pampilhosense também tentou subir no terreno, mas tardava em dar trabalho ao guardião João Cruz. Sendo que, já sobre o apito final do primeiro tempo, o Vigor Mocidade tem a melhor jogada da primeira metade, com Estanqueiro a servir Gil e este, no interior da grande área, a rematar para defesa atenta de Kiko.

Vigor Mocidade - Pampilhosense 22ªJ DH 24-04-19 4

 

Na segunda metade o cariz do jogo não se alterou, mas os golos apareceram. O primeiro foi para o Pampilhosense, aos 57’, na sequência de um livre cobrado por Rola, com Renato a ganhar de cabeça para servir Ricky e este, também de cabeça, a desfazer o nulo no resultado. A equipa do Vigor Mocidade respondeu e, também de bola parada, vai chegar ao empate aos 70’. Num livre cobrado por Dani Pinto a bola andou a sobrevoar a grande área pampilhosense sem que a sua defensiva conseguisse afastar, Paganini aproveitou e com uma excelente execução faz, de bicicleta, um grande golo. A partir daqui o jogo, como se diz na geria, partiu e qualquer uma das duas equipas podia ter chegado à vitória. A equipa serrana dispõe de duas ou três transições rápidas com superioridade numérica em que poderia ter aproveitado melhor, e em duas delas ficou a reclamar grande penalidade. A primeira aos 78’, depois de Seco cruzar para Will e este rematar em direção à baliza, mas a bola encontrou um braço do defesa da casa. A segunda já em período de compensação, quando Seco tentou ultrapassar um adversário, mas acaba por ser “barrado”. Na ultima jogada do desafio o Vigor Mocidade também podia ter marcado, depois de um passa atrasado a que Gil, bem colocado, respondeu com um remate desinspirado!

Vigor Mocidade - Pampilhosense 22ªJ DH 24-04-19 5

 

Foi um desafio equilibrado com domínio repartido entre as duas equipas. A vitória podia ter caído para qualquer um dos lados, mas a divisão de pontos acaba por ser o desfecho mais junto.

Vigor Mocidade - Pampilhosense 22ªJ DH 24-04-19 6

 

O trio de arbitragem não teve uma tarde feliz, principalmente os árbitros auxiliares no ajuizamento de vários “foras de jogo”. No golo pampilhosense Renato surge, em posição duvidosa, ao segundo poste a assistir. Mas também parece ter ficado, pelo menos, uma grande penalidade por assinalar para o Pampilhosense, no lance em que Will surge a rematar e a bola encontra um braço do jogador do Vigor Mocidade, impedindo-a de seguir o caminho da baliza.

 

Resultados:
Tourizense 4-0 Académica SF
Barca, Dembelé, Sanê e Cadú

 

Carapinheirense 0-1 Tocha
Juninho

 

Naval 1893 0-4 Sourense
Fachada, Mário Brito (2) e Quaresma

 

Penelense 3-3 Eirense
Loureiro, Telmo Alves e Ismael (Pen); Bernardo Silva, Vadilson e Fábio (UCE)

 

Ançã FC 3-1 Lagares da Beira
Zé Rasteiro, Válter Silva e Pepe (AFC); Luís Loureiro (LB)

 

União FC 2-1 Brasfemes
Curica (2) (UFC); Marito (RB)

 

Marialvas 0-2 Condeixa
Rui Pereira (2)

 

Vigor Mocidade 1-1 Pampilhosense
Paganini (VM); Ricky (GDP)

 

Classificação:

Class 22ªJ DH 24-03-19.jpg

 

Próxima Jornada:
Condeixa – Ançã FC
Lagares da Beira – Penelense
Eirense – Tourizense
Brasfemes – Marialvas
Pampilhosense – União FC
Tocha – Naval 1893
Sourense – Vigor Mocidade
Académica SF – Carapinheirense

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:22


. ............ . . .

.


LIGAÇÕES - PLANTEL 18/19 E VIDEOS

.

.