Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mostra a Tua Alma Serrana!


LAGARES DA BEIRA - PAMPILHOSENSE

Lagares da Beira - Pampilhosense 3ªJ DH 14-10-18

 

3ª Jornada da Divisão de Honra AF Coimbra

Complexo Desportivo de Lagares da Beira

Assistência: cerca de 60 espetadores

Árbitro: André Rodrigues

Assistentes: Ricardo Machado e Luís Tavares

Ao intervalo: 2-2

 

Pampilhosense:

Kiko, Seco, Renato, Cristiano, Flávio Salgado, Rafa (Miguel Barreto 73’), Ronaldo, Will (Amândio 57’), Simão (Abel 87’), Ricky e Dias.

Suplentes não utilizados: Cédric, Rola e Cesar Palheira.

Treinador: Carlos Alegre

 

Lagares da Beira:

Pantanal, Gouveia, João Paulo, Francisco Coutinho, Adérito, Dominic (Zito 87’), David, Fernando, Ricardo (Rola 83’), Luís Paulo e Torrão

Suplentes não utilizados: Eduardo, Barbas e Pity.

Treinador: João Rocha

 

Ação Disciplinar:

Amarelos: Flávio Salgado 40’, Cristiano 48’, Simão 71’, Seco 78’ Amândio 89’ e Abel 92 (Pampilhosense); Luís Paulo 24’, Francisco Coutinho 49’,  Fernando 76’, Torrão 75’ e Pantanal 76’ (Lagares da Beira)

 

Golos: Simão 12’ e 31’, Dias 75’ e Ricky 94’ (Pampilhosense); Luís Paulo 36’ e Francisco Coutinho 41’ (Lagares da Beira).

 

Lagares da Beira - Pampilhosense 3ªJ DH 14-10-18

 

Um ano depois dos incêndios de má memória para todos, o Pampilhosense regressava a terras do concelho de Oliveira do Hospital, desta feita a Lagares da Beira, com duas vitórias na bagagem e com o intuito de trazer a terceira consecutiva. Do outro lado estava um Lagares da Beira que queria aproveitar o fator casa para somar o segundo triunfo em dois jogos.

 

Lagares da Beira - Pampilhosense 3ªJ DH 14-10-18

 

Foi a equipa de Pampilhosa da Serra que entrou no encontro com maior determinação e vontade em visar a baliza adversária. E o primeiro sinal de perigo surgiu aos 9’, depois de um pontapé de canto com Seco a aproveitar uma sobra para rematar cruzado, valendo aos da casa Torrão a salvar sobre a linha de golo. O golo acabou mesmo por acontecer pouco depois, aos 12’, com Ricky a cruzar, a defensiva local a enviar a bola para a entrada da grande área onde vai surgir Simão a rematar colocado para o fundo da baliza de Pantanal. Os visitantes mantiveram-se no comando do desafio e, aos 31’, Simão dispõe de um livre direto ao seu “jeito”. O jogador visitante não desperdiçou a oportunidade e rematou forte, colocando o placar em 2-0. A vantagem madrugadora de dois golos deveria ter dado tranquilidade ao conjunto serrano. Mas o que aconteceu foi um relaxamento exagerado, com a equipa do Lagares da Beira a aproveitar para subir no terreno e marcar! Aos 36’, devido a alguma passividade do conjunto serrano, David tem todo o espaço no interior da grande área e oferece o golo a Luís Paulo que, na pequena área, concluiu com facilidade. O empate surgiu pouco depois, aos 41’, com o Pampilhosense a ser permissível na marcação de um canto, Francisco Coutinho aproveitou uma sobra e rematou forte restabelecendo a igualdade no marcador. Com este resultado chegou o intervalo.

 

Lagares da Beira - Pampilhosense 3ªJ DH 14-10-18

 

Os serranos regressaram do descanso com outra postura, e logo iniciaram o ataque à baliza de Pantanal. No período de 15’ o Pampilhosense construiu quatro excelentes oportunidades para se colocar na frente do marcador. Aos 52’ Ricky desarmou um defensor contrário, correu para a baliza, mas perdeu algum tempo e não conseguiu melhor do que rematar ao lado. No minuto seguinte Cristiano lançou Ricky e este faz o chapéu a Pantanal, mas a bola voltou a sair ao lado. Aos 55’ foi Ronaldo, de livre direto, com excesso de pontaria ao acertar na trave da baliza. Cinco minutos depois Dias teve o golo na cabeça, mas Pantanal efetuou uma excelente defesa. Até que aos 75’, numa fase em que o Pampilhosense arriscava ofensivamente, Miguel Barreto laçou Simão e este entrou na grande área e ofereceu a Dias a possibilidade de fazer o golo, ocasião que o avançado serrano não desperdiçou. Em vantagem no marcador o Pampilhosense tentou controlar os minutos finais, e impossibilitar a reação do Lagares da Beira. No entanto os da casa ainda vão dispor de um lance de grande perigo, algo raro no segundo tempo, quando David entrou na grande área, pela direita, e rematou cruzado. A vitória pampilhosense foi confirmada em período de compensação, aos 94’, através de um ataque rápido conduzido por Seco que serviu Ricky que, desta vez, acertou nas medidas do chapéu e bateu Pantanal para o 4-2 final.

 

Lagares da Beira - Pampilhosense 3ªJ DH 14-10-18

 

A equipa do Pampilhosense complicou o que começou a tornar fácil, e poderia ter desperdiçado a oportunidade de somar a terceira vitória consecutiva. No entanto, no segundo tempo, os serranos não voltaram a baixar “armas” e construíram uma merecida vitória. Três pontos que deixam a equipa no topo da tabela, com um percurso imaculado neste arranque de campeonato, não sentindo qualquer tipo de pressão pelo bom momento.

 

O trio de arbitragem não esteve isento de erros, embora menores, mas sem influência no resultado final.

 

Resultados:

Naval 1893 2-2 Ançã FC

César (2) (Nav); Berardo e Xuna (AFC)

 

Carapinheirense 2-3 Penelense

Jairo e Faria (Car); Filipe Pita (2) e Gabriel (Pen)

 

Sourense 0-1 Tourizense

Jessi Tati

 

Tocha 0-0 Marialvas

 

Académica SF 2-0 União FC

Dionisis e Pacheco

 

Lagares da Beira 2-4 Pampilhosense

Luís Paulo e Bernardo Coutinho (LB); Simão (2), Dias e Ricy (GDP)

 

Eirense – Vigor Mocidade (adiado)

 

Condeixa 3-0 Brasfemes

Rui Pereira (2) e Dani Alves

 

Classificação:

Class 3ªJ DH 14-10-18.jpg

 

Próxima Jornada:

Ançã FC – Tocha

Penelense – Naval 1893

Tourizense – Carapinehirense

Marialvas – Académica SF

União FC – Eirense

Pampilhosense – Condeixa

Vigor Mocidade – Lagares da Beira

Brasfemes – Sourense

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:35



. ............ . . .

.


LIGAÇÕES - PLANTEL 18/19 E VIDEOS

.

.








RECORDAÇÕES

 

 

 

 

eXTReMe Tracker